comitês domésticos previdencia

Contra ‘reforma’ da Previdência, plataforma incentiva criação de comitês populares

Iniciativa da deputada federal Sâmia Bomfim (Psol-SP) dá base para organização de núcleos de debate da proposta de Bolsonaro em casas ou espaços de atuação política

Por Redação

São Paulo – Uma plataforma digital foi criada para estimular a criação de núcleos de debates em casas ou em espaços de atuação política para tratar da “reforma” da Previdência. Os chamados Comitês Domésticos contra a proposta do governo de Jair Bolsonaro têm como intuito ser um local para que a população possa buscar dados e tirar dúvidas sobre a PEC 6/2019.

Autora da iniciativa, a deputada federal Sâmia Bomfim (Psol-SP) explica à repórter Ana Rosa Carrara, da Rádio Brasil Atual, que, para além do trabalho dos parlamentares no Congresso Nacional, é imprescindível a pressão popular para evitar que o projeto de Bolsonaro seja aprovado. “Se a gente conseguir paralisar as ruas, construir uma greve geral, o governo irá sentir qual é a força dos trabalhadores brasileiros”, avalia.

A plataforma já conta com mais de 530 adesões em cerca de 140 cidades por todo o Brasil. Uma das responsabilidades do mandato da deputada com os comitês é disponibilizar informações e materiais para o desenvolvimento do trabalho.

A jovem de 29 anos Jéssica Camelo, que formou um núcleo, descreve a importância principalmente dos materiais produzidos para serem compartilhados nas redes sociais e aplicativos de mensagem. “Ampliar os tipos de pessoas, sair da ‘bolha’ que a gente ficou presa durante as eleições e mandar esses vídeos e materiais para as pessoas do nosso dia a dia”, defende.

Foto: Divulgação CUT

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Outros Conteúdos